Glória de Dourados, 17 de Outubro de 2019
Segunda, 30 de Setembro de 2019 - 07h47
Fluminense bate Grêmio e respira no Campeonato Brasileiro

Correio do Estado

No primeiro jogo após a demissão do técnico Oswaldo de Oliveira, o Fluminense derrotou o Grêmio por 2 a 1, em partida disputada na tarde deste domingo, no Maracanã, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado fez o Tricolor das Laranjeiras chegar aos 22 pontos ganhos e se afastar do Cruzeiro que é o primeiro na zona do rebaixamento com 19 pontos ganhos.

O Grêmio segue na sétima colocação com 34 pontos ganhos. Os gols foram marcados por Nenê e Caio Henrique para o Fluminense, enquanto Ferreira descontou para a equipe gaúcha. O VAR foi acionado duas vezes, mas não confirmou as penalidades nas áreas do Fluminense e Grêmio.

Dirigido pelo técnico interino Marcão, o Fluminense reviveu, em vários momentos da partida, o estilo de toque de bola implantado por Fernando Diniz, mas mostrou objetividade para aproveitar as oportunidades surgidas durante a partida. Já o Grêmio, escalado com uma equipe alternativa, criou boas oportunidades no primeiro tempo, mas caiu muito no segundo tempo e não conseguiu ameaçar a vitória da equipe carioca.

Na próxima rodada, o Fluminense vai enfrentar o Botafogo, no estádio Nilton Santos. O Grêmio vai receber o Corinthians, na Arena Grêmio.

1º tempo

Muito equilibrio no início da partida. Logo aos três minutos, Rômulo arriscou de fora da área e a bola passou longe do gol defendido por Muriel. O Fluminense começou tocando a bola com cautela, mas em seu primeiro ataque organizado, aos seis minutos, marcou o primeiro gol. Yony González avançou pela esquerda e fez um cruzamento perfeito para Nenê que bateu, de primeira, e colocou a bola nas redes do time gaúcho.

O Grêmio reagiu imediatamente e , aos oito minutos, após falha de Ganso, Thaciano entrou na área e chutou, mas Muriel fez grande defesa, evitando o empate.

O time das Laranjeiras cometia muitos erros na saída de jogo, permitindo que o Grêmio recuperasse a posse de bola nas proximidades da área da equipe carioca.

Aos 17 minutos, após lançamento longo, Rodrigues cortou mal e a bola sobrou para João Pedro que chutou para fora. Aos 20 minutos, o Grêmio perdeu uma grande chance para empatar. Após troca de passes, a bola foi lançada para André, livre na área, mas o atacante isolou. Logo depois, o goleiro Muriel foi tentar dominar a bola na pequena área, se atrapalhou e foi obrigado a chutar para a lateral.

O Grêmio mostrava mais objetividade e , aos 25 minutos, foi a vez de Thaciano desperdiçar uma ótima chance depois de receber de André. O Fluminense respondeu aos 26 minutos com um chute cruzado de Yony González que levou muito perigo para o gol defendido por Júlio César.A partida seguia disputada com muita intensidade. Aos 34 minutos, foi a vez de Gilberto cruzar e João Pedro concluir para fora. Logo depois, Caio Henrique foi acionado por Nenê e cruzou para João Pedro que cabeceou para fora.

O Grêmio encontrava dificuldades para entrar na área carioca; Só aos 41 minutos é que Luciano voltou a ter chances de concluir, mas chutou para fora.

2º tempo

O segundo tempo começou em ritmo lento. Só aos três minutos é que a torcida se agitou quando Léo Moura tentou recuar de peito e deixou o goleiro Júlio Césr em dificuldades. Um minuto depois, o Fluminense ampliou a vantagem. Yony González tocou de calcanhar para Caio Henrique que invadiu a área e bateu cruzado para marcar o segundo gol.

Sem outra alternativa, o Grêmio partiu para o ataque e, aos oito minutos, Muriel fez grande defesa em conclusão de Thaciano. Logo depois, os jogadores do time gaúcho pediram a marcação de um pênalti quando a bola bateu no braço de Gilberto, mas a arbitragem nada marcou e ainda advertiu Luciano que era o mais exaltado.

Logo depois, em outro lance na área carioca, o VAR foi acionado e nada foi constatado de irregular, irritando ainda mais os jogadores gremistas. O Fluminense passou a administrar a vantagem, enquanto o Grêmio mostrava muito nervosismo e não conseguia criar jogadas de perigo para o gol defendido por Muriel.

O técnico Marcão decidiu promover a estreia do lateral-esquerdo Orinho. Ele entrou na vaga do meia Daniel e Caio Henrique passou a atuar pelo meio. Aos 30 minutos, o Grêmio marcou o primeiro gol. Ferreira chutou forte, o goleiro Muriel deu rebote e a bola sobrou para Patrick que conseguiu se aproveitar da desatenção do lateral Gilberto para colocar a bola nas redes.

O Fluminense partiu para o ataque e, aos 34 minutos, Yony González chutou forte e Júlio César espalmou para escanteio. Em dois lances consecutivos, João Pedro e Ganso criaram chances para ampliar a vantagem.

Aos 50 minutos, o Grêmio quase marcou o gol do empate, mas o zagueiro Nino conseguiu chegar antes de Thaciano e desviar para escanteio quando o gremista tinha tudo para marcar.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 2 X 1 GRÊMIO
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 29 de setembro de 2019, domingo
Hora: 16h (de Brasília)
Público: 17.791 pagantes
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Jean Marcio dos Santos (RN)
VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)
Cartões Amarelos: Paulo Henrique Ganso (Fluminense); Paulo Miranda, Luciano, André, Guilherme Azevedo e técnico Renato Gaúcho (Grêmio)
Gols:
FLUMINENSE: Nenê aos seis minutos do primeiro tempo e Caio Henrique, aos quatro minutos do segundo tempo
GRÊMIO: Patrick, aos 30 minutos do segundo tempo

FLUMINENSE: Muriel, Gilberto, Nino, Yuri e Caio Henrique; Allan, Daniel(Orinho), Nenê(Wellington Nem) e Ganso; Yony González(Marcos Paulo) e João Pedro .
Técnico: Marcão

GRÊMIO: Julio César, Léo Moura(Guilherme Azevedo), Paulo Miranda, Rodrigues e Juninho Capixaba; Darlan(Patrick), Rômulo e Thaciano; Luciano(Ferreira), Pepê e André.
Técnico: Renato Gaúcho

 
© 2012 - 2017 - GloriaInforma - Todos os Direitos Reservados