Glória de Dourados, 25 de Setembro de 2018
Quarta, 11 de Julho de 2018 - 08h00
Cássio volta antes da hora e já enfrenta o Cruzeiro nesta quarta

Correio do Estado

O goleiro Cássio foi a grande atração do Corinthians no  treino desta terça-feira, no CT Joaquim Grava. Liberado das atividades até quinta-feira, o arqueiro avisou ao clube que queria antecipar sua volta, se apresentou ao técnico Osmar Loss e já foi colocado pelo comandante entre os titulares para a partida de quarta, contra o Cruzeiro, na Arena, no último amistoso antes da retomada das competições oficiais.

Mesmo após 40 dias com a Seleção Brasileira, o arqueiro preferiu já retomar as atividades para não perder o condicionamento físico. Com uma filha recém-nascida em casa, o camisa 12 avaliou como importante voltar antes da hora para entender o que o treinador quer para a equipe. No momento em que foi convocado para a Seleção, por exemplo, o comandante alvinegro ainda era Fábio Carille.

“É o carinho que eu tenho aqui. É muito legal ver a alegria das pessoas, pessoal dizendo que estava torcendo para mim. Eu também ia ficar muito tempo sem treinar. Gosto de estar aqui, gosto de treinar. Acho que, quanto antes você tentar treinar, é melhor”, disse o arqueiro, que não entra em campo desde a goleada por 7 a 2 sobre o Deportivo Lara, na Venezuela, no dia 17 de maio.

Desde que se juntou à Seleção Brasileira, Cássio viu Walter assumir seu posto e o Alvinegro penar para manter o ritmo imposto com Fábio Carille. Agora na décima colocação do Campeonato Brasileiro, mas vivo tanto na Copa do Brasil quanto na Libertadores da América, ele espera entender o mais rápido possível.

“Não trabalhei com o Osmar, conversamos um pouquinho e, quanto mais cedo estar inteirado do jeito de ele trabalhar, para mim é bom. O mais importante de treinar é mais a parte de organização defensiva, bola parada. Vi algumas cosias que ele colocou do jeito dele e o mais cedo que a gente conseguir entender isso, é melhor. Depois que voltar é um jogo atrás do outro, assim vai. Quanto tempo a gente ganhar é melhor”, concluiu o atleta.

Além dele, outro corintiano que estava com a Seleção era o lateral direito Fagner. O jogador, no entanto, atuou em quatro partidas do Mundial e só vai se reapresentar na quinta-feira, ficando à disposição para a volta dos torneios oficiais, contra o Botafogo, na outra quarta, dia 18, também em Itaquera.

 
© 2012 - 2017 - GloriaInforma - Todos os Direitos Reservados