Glória de Dourados, 24 de Setembro de 2018
Terça, 06 de Março de 2018 - 07h44
A 12 dias do fim da biometria, 128,5 mil podem perder título
Eleitores precisam fazer o cadastramento para evitar punições

Correio do Estado

Faltando 12 dias para o fim do prazo, 128,5 mil eleitores de Campo Grande ainda não fizeram a biometria e podem perder o título em Campo Grande.

Caso todas realizem o cadastramento no período, ao menos 10,7 mil precisam comparecer aos locais de atendimento por dia. A data limite é 18 de março, prazo que não deve ser prorrogado. Caso tenha o título cancelado, o eleitor fica impedido de votar e terá de pagar multa de R$ 3,50 para ter o direito de volta.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), até esta segunda-feira (5), foram realizados 497.496 atendimentos, o que corresponde a 79,46% do total de eleitores, que é de 626.020.

Nesta semana, o TRE iniciou a implantação de mais 30 guichês de atendimento biométrico no Fórum Eleitoral, que fica no Parque dos Poderes. Com isso, a capacidade diária de atendimentos passará a ser de sete mil eleitores na Capital.

Além disso, a Justiça Eleitoral ampliou os horários de funcionamento dos postos que abrem aos fins de semana.

No Memorial da Cultura e no Fórum Eleitoral, o atendimento é de segunda a domingo, das 8h às 17h. Para ser atendido, basta levar a via original de um documento oficial de identificação com foto e comprovante de residência atualizado. Homens maiores de 18 anos que vão tirar o título pela primeira vez devem apresentar também o comprovante de quitação do serviço militar, com cópia. Somente no Memorial da Cultural, cerca de 2,8 mil pessoas são atendidas por dia. 

 
© 2012 - 2017 - GloriaInforma - Todos os Direitos Reservados